segunda-feira, 31 de outubro de 2016

A Garota do Calendário/Janeiro - Audrey Carlan (+18)


Oi minha gente, tudo certinho?

Pra quem me acompanha no instagram, viu que logo mais iria ter resenha aqui no blog, e cá estou eu para contar um pouco da história de Mia, no livro A Garota do Calendário/Janeiro, lançado pela editora Verus, um romance adulto (+18).
Venha sem preconceitos. 

Descrição:

 Ela precisava de dinheiro. E nem sabia que gostava tanto de sexo. O fenômeno editorial do ano e best-seller do New York Times, USA Today e Wall Street Journal.
Mia Saunders precisa de dinheiro. Muito dinheiro. Ela tem um ano para pagar o agiota que está ameaçando a vida de seu pai por causa de uma dívida de jogo. Um milhão de dólares, para ser mais exato. 
A missão de Mia é simples: trabalhar como acompanhante de luxo na empresa de sua tia e pagar mensalmente a dívida. Um mês em uma nova cidade com um homem rico, com quem ela não precisa transar se não quiser? Dinheiro fácil. Parte do plano é manter o seu coração selado e os olhos na recompensa. Ao menos era assim que deveria ser... 
Em janeiro, Mia vai conhecer Wes, um roteirista de Malibu que vai deixá-la em êxtase. Com seus olhos verdes e físico de surfista, Wes promete a ela noites de sexo inesquecível — desde que ela não se apaixone por ele.

Resenha:

Mia sua louca! Seria o que eu diria a ela.
Mia é uma jovem que não teve boas experiencias amorosas, seu ultimo namorado a enganou, pois era um agiota, que emprestava dinheiro para seu pai, um total de um milhão de  dólares, claro que ele não tinha como pagar essa dívida, levou uma surra e se encontra na UTI. Mia também tem uma irmã mais nova que está na faculdade  e depende financeiramente dela.
Ela recebe uma proposta de sua tia Millie ou sr. Milan em trabalhar na sua agência de acompanhantes de luxo, Mia deixou claro que não queria se tornar uma prostituta, mas ela só faria sexo com os clientes se ela quisesse. E ganharia mais dinheiro com isso.
Bem, ela aceitou e iria acompanhar por um mês um roteirista queridinho do momento, lindo, alto e sexy Wes.

Minha Opinião:

Mia é uma garota interessante, com uma personalidade bem "despreocupada", com uma facilidade de se adaptar a certas situações, principalmente se tornar acompanhante de luxo de um dia para o outro. Não só se adaptar, como gostar dessa nova vida de muito luxo e prazer.
Wes por sua parte, se mostra um homem perfeito, carinhoso, atencioso, além de ser um ótimo amante, proporcionando a Mia um sexo inesquecível.

"...Em seu lugar havia controle, desejo e luxúria. Minhas três coisas favoritas."

"...trazendo a imagem de um dos homens mais insuportavelmente lindos que eu já vira. Não havia nada que pudesse comprometer sua excelente aparência. Mesmo em uma foto de currículo corporativo, o cabelo loiro-escuro, os olhos verdes e o queixo esculpido eram de admirar. Seu cabelo era longo, cortado em camadas e com aquele jeito meio bagunçado mas perfeitamente arrumado que estava tão na moda”

Quando li esse trecho entre outros que descreve os atributos de Wes, me veio a mente um ator que se encaixa perfeitamente... 
Chris Hemsworth

"O surfista era uma delícia. Dava um novo significado à expressão “colírio para os olhos”. Ele continuou a se aproximar, o peitoral quadrado e o abdome definido cada vez mais visíveis com a proximidade. O pedaço sexy de pele que mergulhava fazendo um V delicioso..."

Confesso que o livro me surpreendeu, não tive boas experiências com livros do gênero como "50 tons de cinza", pela história péssima e protagonistas ruins, que não cativavam.
A garota do calendário é clichê, sim, mas tem boa protagonista, Mia é carismática, divertida e bem pé no chão, o que me fez querer ser amiga dela como sua melhor amiga Ginelle, Wes é apaixonante, o que faz você querer devorar o livro, e não matar os personagens. 
Será que essa acordo de não se apaixonarem vai dar certo? Mia precisa partir e acompanhar outros clientes. Wes será o mesmo depois de Mia?

Só não gostei de uma coisa;
A autora poderia ter desenvolvido melhor a história em alguns momentos, ela é contada superficialmente, não sei se é proposital. Um ponto a observar: Será que Mia terá sempre essa sorte de belos homens e momentos intensos de sexo? Na real não é bem assim, mas gostei muito da história e já estou louca para ler "Fevereiro". 

Nota de 1 a 5:


Sobre a série:


A Garota do Calendário é uma série com doze livros, todos com a mesma protagonista e clientes diferentes. O que será que Mia encontrará ao longo dos meses? Estou curiosa!

Espero que tenham gostado da resenha. Já leram? Me contem!

Obrigada por visitar o blog.
Xeru!

6 comentários:

  1. È o Thor!
    Macho bunito da preula!Ai também é apelar...kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  2. OI, Angelica. Tudo bem?
    Parabéns pelo seu cantinho!

    Eu também gostei desse livro. Acho a Mia uma figura, adorei o Wes, e a trama como um todo é bem fácil e gostosa de ler. Também senti que a autora deveria ter se aprofundado em alguns temas, mas acho que foi proposital, para deixar a história rapidinha.

    Beijos,

    Pah - Livros & Fuxicos

    ResponderExcluir
  3. Uhuu.. amo livris assim. Gostei da resenha. obrigada por compartilhar.

    Beijos no coração!
    DMulheresInstagram

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou, obrigada por passar aqui, xeru!

      Excluir